Zito Rolim recebe das mãos do Governador Flavio Dino um caminhão para agricultura familiar

Zito Rolim recebe das mãos do Governador Flavio Dino um caminhão para agricultura familiar

Zito com Flávio Dino

Zito com Flávio Dino

O prefeito de Codó, Zito Rolim, esteve ontem em São Luís em comitiva, onde foi receber das mãos do Governador Flávio Dino as chaves de um caminhão para a Agricultura Familiar.

O Prefeito disse está muito feliz em conseguir mais esse grande beneficio, junto ao governo do Estado, para os agricultores de Codó. A solenidade, realizada nesta segunda-feira (6), no Palácio Henrique de La Rocque, contou com a presença do secretário de segurança alimentar e nutricional do Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário (MDS), Caio Rocha.

Na ocasião, o governador Flávio Dino realizou a entrega, fruto da parceria com o Governo Federal, de 19 equipamentos para a modernização de Unidades de Distribuição de Alimentos da Agricultura Familiar (Udaf), da adesão de mais sete municípios ao PAA do Leite, e da assinatura da parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) para assistência técnica e gerencial.received_1087669831327670

O governador ressaltou que as ações apresentadas fazem parte da política de priorização de investimentos no setor primário. Para ele, durante muito tempo, o Maranhão viveu em uma matriz econômica equivocada, em que se priorizaram grandes investimentos que pouco retorno trouxeram ao povo maranhense.

E nós estamos invertendo essa lógica. Acreditamos no pequeno produtor como aquele que grandemente produzirá os resultados que nós precisamos na geração de empregos, oportunidades e tributos, porque uma agricultura, pecuária, extrativismo e pesca fortes, é pré-condição para o desenvolvimento de outros setores econômicos”, ressaltou Flávio Dino.

O Governo, por meio da Secretaria de Agricultura, Pecuária e Pesca (Sagrima), também assinou convênio de R$ 4 milhões com o Senar para assistência técnica e gerencial a 1550 propriedades/produtores, das cadeias de hortifrúti, arroz, leite, carne e couro e aquicultura, em todo o estado. A parceria terá um ano de duração e os trabalhos serão iniciados no mês de julho.

O conhecimento como elemento nuclear de uma política de desenvolvimento. O Senar vai fazer isto, mediante esse contrato para várias cadeias produtivas. São cinco cadeias de um total de 10 que nós estamos trabalhando como prioritárias, para que nosso Estado seja autossustentável no que se refere a produção de alimentos que é nosso objetivo principal”, finalizou o governador Flávio Dino.

Ascom

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *